O DESEJO DE MUDAR É UMA GRANDE PROVA DE AMOR!

Ninguém pode dizer que ama se não deseja mudar” Mudar alguma coisa dentro de nós é sempre um grande desafio porque mexe em áreas que na maioria das vezes não queremos que ninguém toque. A pergunta-chave quando refletimos sobre este tema é: “Por que todos nós relutamos tanto em mudar?”.  A resposta parece simples, mas não é, pois, para que haja mudança verdadeira, é necessário reconhecimento (autocrítica), renúncia, perseverança, disciplina e coragem. E tudo isso só é possível se houver humildade. O casamento em si já exige mudanças significativas porque não há como manter um relacionamento a dois de forma séria vivendo como se fosse uma pessoa solteira.

 Certo dia, em um seminário que tratava sobre o tema “Família”, eu ouvi de um senhor casado a seguinte frase: “Como marido e como pai, sou nota 10. Eu vim até aqui apenas para acompanhar minha esposa.” Ao ouvir aquela auto-avaliação, peguei um questionário que tenho que trata exatamente sobre “O perfil do marido ideal” e pedi a ele que respondesse as 30 perguntas, explicando: “Aqui, as notas vão de 0 a 10.  Se você tirar de 8 para cima, você está liberado para ficar na piscina do hotel e não vai precisar assistir a nenhuma palestra, pois estará, sim, muito bem classificado”. Quando ele terminou de responder as perguntas e conferiu a pontuação, veio até mim e disse: “Pastor, o senhor precisa orar por mim. Tirei nota 3”.

 Todos nós estamos em processo de cura e de libertação. Não existe uma pessoa que possa dizer: “Eu não preciso melhorar em nenhuma área”.O primeiro passo a ser dado para que haja mudanças necessárias é reconhecer onde precisamos mudar. Minha esposa, Rousemary, e eu aprendemos logo no início da caminhada conjugal, há vinte e quatro anos atrás, que o segredo para se construir um casamento duradouro e feliz é manter-se aberto às mudanças. 

O casamento pode nos libertar de nós mesmos. Quando uma pessoa se casa, ela acaba levando consigo hábitos negativos, como traumas da infância e vícios, além de uma bagagem emocional e espiritual adquirida e desenvolvida na família de origem. Dentro dessa “mochila” que cada um traz da casa dos pais muita coisa boa que deve ser preservada e outras tantas ruins que devem ser eliminadas. Isso faz parte do processo de libertação. A forma de como você foi criado dentro seu núcleo familiar, ou seja, a sua referência paterna e materna e o que você ouviu e viu desde criança, passando pela adolescência, acabou moldando sua forma de pensar e de agir. Se a família de origem era disfuncional e o padrão que se tinha para seguir era ruim, isso foi internalizado como valores que determinam o comportamento. Eis a razão porque na “escola” chamada “Casamento” ambos, marido e mulher, têm que substituir o que foi aprendido de forma “errada” por aquilo que é considerado certo, justo e honesto. O comportamento e o estilo de vida de uma pessoa só mudam quando há mudança de mentalidade. Tudo começa a partir da forma de como pensamos.

 Não há um homem ou uma mulher que possa dizer: “Eu me casei com uma pessoa completamente liberta, curada e perfeita.” O casamento é a união entre duas pessoas cheias de imperfeições, pecadoras e limitadas. Sabemos que durante o namoro, o período de noivado e também no início do casamento, o casal vive um tipo de amor-sonho. Ambos não enxergam a realidade, mas cada um projeta no outro aquilo que idealizou ou sonhou como parceiro(a) ideal. Quando estou proferindo minhas palestras, costumo dizer aos casais que todo quadro à distância é perfeito, porém, ao aproximarmos dele, percebemos algumas imperfeições na obra do artista. O casamento traz à tona aquilo que à distância estava escondido. Na proporção em que cresce a familiaridade entre o casal, vão também surgindo os defeitos, as manias e os hábitos negativos. Quando isso acontece, é imprescindível a participação do cônjuge no processo de libertação e cura. (Pr. Josué Gonçalves).

Reflexão: Saiba que o diabo inventou esta mentira de que é errado mudar depois do casamento, por isso muitos pensam que o cônjuge é obrigado a aceitar o comportamento errado do outro, não, não é. Quem age errado tem que aprender a fazer a coisa certa e... Serão felizes para sempre!!!

Escrito por Pra. Neide às 10h33
[ ] [ envie esta mensagem ] [ link ]


9o. ANIVERSÁRIO DO MANANCIAL
2007/2016

Hoje, 06-12-16, o Manancial está completando 9 anos enviando mensagens sobre família e assuntos relacionados, e isto é muito gratificante e prazeroso. Agradeço a Deus pela oportunidade de estar aqui e também aos amigos que visitaram este humilde cantinho, alegraram o meu coração. Desejo que Deus continue usando este Blog para honra e glória do Seu Santo Nome. Deus abençoe a todos vocês e suas famílias!!!

Escrito por Pra. Neide às 00h56
[ ] [ envie esta mensagem ] [ link ]





[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
SOBRE MIM


Eu e minha família: Meu nome é Neide Constancio, sou pastora, casada com Pr. Ivo Constancio, tenho 2 filhos: Marcos Levi e Renan; 3 netos: Bruno Levi, Carlos Levi e Ana Beatriz; uma bisneta: Kaila.
Meu aniversário: 11 de junho
Meu Estado: RJ
Versículo Preferido: "Sê fiel até a morte, e dar-te-ei a coroa da vida" (Apocalipse 2.10b)
Hino Preferido: "Tu és Fiel, Senhor"
Eu amo: A Deus, minha família, meus amigos...
Eu sou Intercessora

:: MEU EMAIL ::
neidecards@gmail.com

AO BLOG DA FAMILIA




:: Início do Blog: 06-12-2007::



:: HORAS ::



:: LINK-ME ::


:: AWARD DO AMOR ::


.::Meus outros Blogs::.

 


RECADOS




PESQUISA



Google  
Manancial
 


BIBLIA ON LINE


Pesquise nas Escrituras
[ Ex.: graça | Ex.: Gn 1:1-10 ]
"Errais,
não conhecendo as Escrituras,
nem o poder de Deus."(Jesus Cristo, em Mateus 22.29)



SALA DOS AMIGOS







SALA DE PRESENTES



SALA DE FOTOS



ARQUIVOS




SITES LEGAIS









Aborto, Aborte essa Idéia! Aborto.com.br - gravidez, parto, gestação, feto.


   



EU ESTOU NO
Seguir a Neidecs en Twitter

Pastora Neide Constancio


Raiz de uma Terra Seca

Promova sua página também
Cantinho das Bisavós - pastoraneideconstancio

Promova sua página também



CONTADOR








DIVERSOS


- Dê uma nota para meu blog
- Indique este blog
O que é isto?
Leia este blog no seu celular


CRÉDITOS




LAYOUT BY